•  

Tendências de design 2018

A equipa interna de design da GROHE é visitante assídua das maiores feiras de design de interiores do mundo, recolhendo insights sobre o que pensam as mais inovadoras marcas de design e fabricantes líderes a nível mundial sobre as maiores tendências para este ano. A partir da série vertiginosa de produtos exibidos no final do ano passado, eles elaboraram esta lista de cinco tendências essenciais que irão influenciar todos os níveis de design de casa em 2018.

Vidro

A beleza e a leveza do vidro, bem como as suas qualidades para exibir cor, foram bastante evidentes. Seja usado como um detalhe de design, ou como uma peça de mobiliário completo, o vidro teve um lugar de destaque, criando efeitos ópticos e uma sensação limpa e arejada. A bela mesa de café de Rive Roshan foi exemplo disso, com uma superfície circular lisa e limpa, feita extraordinariamente pelo espectro de vidro colorido no topo. Do vidro liso, incoloro para vidro texturizado e ondulado, as propriedades deste material são definitivamente intemporais.

Design a partir do Desperdício

Uma tendência que vem borbulhando por algum tempo, este ano, as peças criadas recorrendo ao uso de resíduos foram visíveis em todos os lugares - muitas vezes a proveniência do "desperdício" não foi apenas enfatizada, mas também foi visível no produto acabado, sugerindo que o design reciclado está a tornar-se um símbolo de status. O Ikea lançou a gama de portas de armário KUNGSBACKA, que usam madeira de moinhos, sucata de móveis e materiais de embalagem, enquanto a nova marca Pentatonic criou móveis personalizáveis usando apenas materiais reciclados, incluindo resíduos de plástico, latas e ecrãs de smartphone.
Copyright Deadgood Trading Limited

Pastel

O omnipresente "Millennial Pink" do ano passado deu lugar a uma paleta mais ampla de tons de pastel, incluindo corais macios e verdes. Jovens e otimistas, os tons suaves de pastel também são muito fáceis de viver, tornando-os populares em tudo, desde móveis grandes (por exemplo, assentos de Deadgood) até iluminação e acessórios. Longe de ser doce em demasia, esta encarnação de tons de pastel era freqüentemente associada a notas de borgonha, floresta verde e cinza, criando uma sensação moderna surpreendentemente neutra.

Jesmonite

O Material do Ano, adotado por designers provenientes de várias disciplinas, o Jesmonite é um composto de gesso modificado com acrílico. Na sequência da tendência do Terrazzo que subiu no ano passado, este material inovador foi visto em tudo, desde bancadas até vasos. Tem um calor tátil, convidando a tocar a superfície ou a um olhar mais próximo no detalhe que contém. Moderno, fresco e desajeitado, parece ser uma característica das cozinhas e casas de banho para o próximo ano como um acabamento desejável, não apenas para bancadas, mas também paredes, pavimentos e muito mais.

Botânicos

Talvez seja o nosso ambiente de vida cada vez mais urbano que mantém os produtos botânicos sendo revisados e reinventados como uma tendência. Certamente, muitos designers estão a temperar materiais e formas modernas e elegantes com notas orgânicas extraídas da natureza. As folhas e as estampas florais abundavam, tendendo a inclinar-se para o exotismo - pense nas folhas de palmeira e beija-flores para um toque de luxo sobre o natural. Muitas vezes, estes projetos foram vistos em elementos suaves como tecidos e papel de parede (Cole & Son lideram o caminho), mas mesmo espaços como casas de banho tinham espaço para detalhes de design botânico, oferecendo um ar de conforto e bem-estar nos espaços de maior especificação.